Quinta-feira, 1 de Março de 2007

Um ás na natação mesmo sem braços

 
João Pedro acha que os períodos de crise podem ser convertidos em "oportunidades" para mudar de vida




José Pedro Guerra é um jovem com 29 anos, que termina este ano a licenciatura em Administração Pública, na Universidade de Aveiro. E é, em simultâneo, um atleta de alta competição, que não pára de somar êxitos à sua relativamente curta carreira de nadador.

Nada do outro mundo, dir-se-ia, se não fosse o facto de José Pedro ter perdido os dois braços, aos 16 anos, num acidente absurdo, que lhe amputou o corpo, mas não lhe tirou a vontade de vencer, na vida como no desporto.

Ainda no início deste mês, em Castro D´Aire, arrecadou mais quatro recordes nacionais 50, 100 e 200 metros livres e 100 metros bruços.

Mais quatro marcas nacionais, a somar a uma já longa lista de recordes, 100 metros bruços em piscina de 25 metros, 100 metros livres em piscina de 25 e de 50 metros, 400 metros livres em piscina de 25 e de 50 metros e 100 metros costas, em piscina de 50 metros (medalha de prata na Taça da Europa, em 2005), que já eram seus.

Uma boa participação nos campeonatos nacionais de Inverno, no fim deste mês, em Albufeira, já a pensar no apuramento para os Jogos Paralímpicos de Pequim, em 2008, é, por agora, a grande meta de José Pedro, a poucos meses de terminar a licenciatura em Administração Pública e o estágio curricular, na Câmara de Oliveira do Bairro, onde gostaria de ficar a trabalhar.

A vida de José Pedro deu "uma grande volta" em 1994. José Pedro tinha 16 anos e trabalhava como serralheiro. Certo dia, do qual prefere não falar, José Pedro entrou numa fábrica abandonada e ... apanhou um choque eléctrico. Foi uma descarga eléctrica tal, que José Pedro acabou por ficar sem braços.

"Não foi fácil enfrentar essa realidade", recorda, lacónico, para logo enunciar a máxima que, numa manifestação de grande determinação, passou a adoptar como sua "Apesar de deficientes, não podemos deixar de lutar, de procurar... o melhor da vida".


Perseverante e lutador

Força de vontade, disciplina,dedicação e espírito de sacrifício são os traços de carácter de José Pedro, que o responsável da secção de Natação do Oliveira do Bairro Sport Clube, Paulo Barata, faz questão de elogiar. "É um exemplo de perseverança", diz este dirigente, que faz questão de acompanhar de perto o percurso do seu atleta. "No desporto e na vida é um lutador", conclui Paulo Barata, referindo-se a "outros êxitos" de José Pedro. Como o percurso académico "impecável", que retomou depois do acidente, e está, agora, prestes a terminar, com a conclusão da licenciatura, o ter tirado a carta de condução e ter uma vida social "normalíssima".

In: Jornal de Noticias

publicado por vitorinonuno1 às 08:44
link do post | comentar | favorito

.CONTACTOS PARA DIVULGAÇÂO DO MOVIMENTO PARALIMPICO:

MARIA LANITA 932379956 ------------------------- E-MAIL: marketing@fpdd.org

.pesquisar

 

.posts recentes

. Encerramento do BLOG

. 3º CAMPO DE TREINO ANDDEM...

. Atletas melhoram mínimos ...

. CAMPEONATO NACIONAL DE IN...

. Resultados do Campeonato ...

. CAMPEONATO NACIONAL DE IN...

. ...

. CAMPEONATO NACIONAL DE IN...

. DSE Open Championships - ...

. Resultados do OPEN'07

.arquivos

.links

blogs SAPO